Os Sete Níveis

Nos anos 60, quando os Beatles visitaram os EUA, eles fizeram questão de conhecer seu ídolo Bob Dylan. E, num quarto de hotel, eles se reuniram pra tocar, filosofar e partilhar suas experiências. Além disso, foi com Dylan que eles conheceram, pela primeira vez, a maconha. Seria a primeira vez, seguida de milhares de outras, em que John, Paul, George e Ringo ficariam chapados.

Todo mundo ficou muito doido, e foi nesta noite que Paul McCartney descobriu “o sentido da vida”.

Clique aqui e continue lendo Os Sete Níveis.

16 Respostas

  1. “Mas é interessante notar que uma das propriedades interessantes que tem o número sete é ser o resultado da divisão de qualquer inteiro não múltiplo de 7, por 7.”

    hein??? rs

  2. Isso me faz lembrar daquela teoria de sete corpos fragmentados…..

    Bois morrendo e a humanidade ficando cada vez pior por causa do numero de carne bovina consumida……

  3. taí Habib, tb ñ entendi…
    dá pra desenhar?

  4. “Mas é interessante notar que uma das propriedades interessantes que tem o número sete é ser o resultado da divisão de qualquer inteiro não múltiplo de 7, por 7.”

    Sem me ater ao caráter matemático do negócio, pegue qualquer número que satisfaça a condição do problema (por exemplo, 15) e divida por 7. A dízima periódica, nesse exemplo, é 2,142857142857… .

    O que eu acho que ele quis dizer é que o número 7 APARECE no resultado da divisão de qualquer inteiro não múltiplo de 7, por 7.

    Eu estou especulando… Vou tentar montar a prova dessa hipótese, aí eu posto novamente.

  5. Massa! Um copo de água do oceano!

  6. Reparem nesta sequência “142857”:

    1 -> 0,1428571428571428571428571428571428571429
    2 -> 0,2857142857142857142857142857142857142857
    3 -> 0,428571428571428571428571428571428571
    4 -> 0,571428571428571428571428571428571428
    5 -> 0,7142857142857142857142857142857142857143
    6 -> 0,8571428571428571428571428571428571428571
    8 -> 1,14285714285714285714285714285714285714
    9 -> 1,28571428571428571428571428571428571429
    10 -> 1,42857142857142857142857142857142857143

    25784583 -> 3683511,85714285714285714285714285714286

  7. Olá pessoal, passei só para avisar que o novo site
    da Loja Teosófica Liberdade está no ar.

    Versando sobre Teosofia, Ciência e Religião.

    Deêm uma olhadinha! Um Grande abraço!

    http://www.teosofia-liberdade.org.br

  8. “Não somos pessoas. Creio que não somos pessoas, e sim “veículos de idéias”. Idéias que se materializaram e acham que são indivíduos.
    É a “queda dos anjos”. É o pecado original.”

    Conclusão curiosa.

  9. Marcelo bem que você poderia fazer alguns comentarios nos posts!!!!
    Att

  10. Não compreendi/não concordei…

    Meio viajado o texto hein? Ou pelo menos confuso/mal fundamentado. =/

  11. nao consigo achar uma “individualidade absoluta” em nós…
    essa teoria que somos idéias é a que mais completa, pelo que eu senti e refleti.
    até agora o que eu achei mais importante é adquirir consciência, a chave da liberdade, para percebemos quantas inumeras caracteristicas podemos adotar, descondicionar atitudes tipicamente “humanas”…
    é facil perceber que tomamos mts medidas semelhantes e que somos mto parecidos…mesmo que simples, complexos

  12. […] – parte II – Os Quatro Grandes Pilares do Conhecimento – Elementais, os Espíritos da Natureza – Os sete Níveis – Grandes iniciados – Allan Moore – O mito da […]

  13. Mas o numeroda besta é 666…

    Cadé o 7?

  14. Creio que não somos pessoas, e sim “veículos de idéias”. Idéias que se materializaram e acham que são indivíduos.

    SENSACIONAL… pra mim ficou explicado o texto todo apenas nesta frase.

    somos espíritos num estágio menor de vibração, por isso estamos aqui, para evoluir espiritualmente, ou seja, nossas idéias!

    Abraço fera!

  15. Falando de sete níveis me veio a lembrança da “Teoria das Cordas” que li na revista Superinteressante. Não sei o motivo exato mas depois que li juntei as informações e ficou na mente algo como:”Teoria das Sete Cordas”…

    O link do site da Super com a reportagem que li para quem quiser entender melhor!^ ^
    http://super.abril.com.br/superarquivo/2003/conteudo_275105.shtml

    Beijos!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: